terça-feira, 13 de junho de 2017

Londres - Um tour por Westminster

Hoje voltamos para minha terra querida, Londres!! O post de hoje é ideal pra planejar um dia de turismo básico na região de Westminster. Perfeito pra você que quer chegar e de cara conhecer os ícones mais famosos da cidade, ou pra você que tem poucos dias e quer ver tudo que interessa logo de uma vez!

Westminster é um dos bairros mais importantes de Londres. É aqui que mora a rainha, no castelo de Buckingham; aqui funciona o Parlamento (onde fica localizado o Big Ben); onde está a Abadia mais famosa da cidade, e a imponente London Eye, e onde a maior parte dos turistas bate ponto tirando suas fotos todos os dias do ano. O tour é feito à pé, portanto, prepare-se para caminhar bastante!

Vista panorâmica do bairro de Westminster (Pixabay)

Para iniciar o tour, esteja de manhã, por volta das 10h, na estação de metrô de Green Park. Comece o passeio atravessando o parque, que é pequeno e charmoso, seguindo as placas para o Palácio de Buckingham. Se estiver sol, você provavelmente verá muitos londrinos deitados na grama! 


Green Park



Portão do Green Park

Ao atravessar os portões do parque, você já consegue ver o Palácio. Vale a pena pesquisar se neste dia haverá a Troca da Guarda da rainha (ela ocorre em dias alternados). Se for o caso, ela deve estar perto de começar (entre 10:30 e 11:00). Vou ser sincera, eu nunca vi a troca ao vivo, então não posso opinar se vale a pena ou não.. Mas, se o roteiro encaixar na disponibilidade de vocês, porque não né?

A famosa troca da guarda


De qualquer forma, com troca de guarda ou sem troca de guarda, o Palácio é uma belezura. Tire muitas fotos e vamos seguindo! (No verão, o Palácio abre para visitação, mas as vagas são bem disputadas. Caso queira fazer a visita, pesquise pelo site os horários disponíveis e, se der pra encaixar nesse roteiro, ótimo!) 

Palácio de Buckingham (Pixabay)


Do outro lado do Palácio está localizado um dos parques mais charmosos da cidade: o St. James`s Park. Dependendo de como está sua programação, dá pra inclui-lo numa passada rápida. Mas se você tiver mais tempo em Londres (e for agraciado com um dia de sol), volte aqui com mais tempo, quem sabe até para fazer um piquenique!

St. James`s Park (Pixabay)

St. James`s Park (Pixabay)

Seguindo nosso roteiro, a próxima parada é a Abadia de Westminster. Essa é uma das igrejas mais antigas da cidade, com mais de mil anos de história! Aqui casou o famoso rei Henrique VIII com a polêmica Ana Bolena, e mais recentemente, os mais novos pombinhos reais: o príncipe William e sua Kate. A Abadia tem visitas com guia eletrônico em português, vale a pena se seu tempo estiver folgado! A visita dura mais ou menos uma hora, e custa 20 libras. Há várias figuras importantes enterradas lá em capelas magníficas!

Westminster Abbey (Pixabay)

Saindo da Abadia, basta seguir em direção ao fundo da igreja que você logo verá o Parlamento, com seu famoso Big Ben. Há também a possibilidade de fazer uma visita guiada no Parlamento em algumas épocas do ano (durante os recessos), mas as visitas são em inglês ou espanhol, e duram algo como uma hora e meia. Aborda temas como a história do Parlamento e o atual funcionamento das casas. Mas atenção: a visita deve ser agendada com antecedência, e os horários são disputados!



Caso não tenha interesse na visita agora, siga em direção à Ponte de Westminster, de onde você terá os melhores pontos para fotos da cidade! De um lado, o Big Ben, e do outro a imponente London Eye!

Foto ícone!



London Eye

Após as 1001 fotos na ponte, é ela o nosso destino: a roda-gigante GI-GAN-TE, de onde se tem vistas incríveis da maior parte da cidade. Ela é formada por câmaras fechadas com capacidade para umas 20 pessoas. Até quem tem medo de altura como eu fica tão encantado com a visão que nem se incomoda tanto!

Entrada da London Eye

A volta inteira dura um pouco mais de meia hora, e o ingresso é um pouco salgado, custa 32 libras comprando na hora. A fila pra comprar na hora também é gi-gan-te, e geralmente você compra para uma meia hora depois, ou mais, quando ainda tem mais uma filinha básica para entrar na atração. Comprar antecipado pode ser uma boa (e tem desconto!), mas você fica meio preso ao horário, e pode atrasar caso demore nas outras atrações... Acho que uma boa é chegar, comprar o ingresso para um horário mais tarde (ou comprar antecipado na internet, mas com muuuita folga), e neste intervalo almoçar ou fazer um lanche pelas proximidades. Quando fui fiz assim, e quando entramos na "rodinha" já estava perto do pôr-do-sol. Pegamos visões diurnas e noturnas, foi muito show!

Parlamento

 Vista do topo da roda-gigante

Centro da cidade


Ela é linda de noite!

Bom, imagino que nessa altura você já deve estar bem cansado! rss! Mas se ainda sobrar pique, ou se não quiser encarar o passeio na London Eye, uma voltinha pela margem sul do Rio Tâmisa, o famoso South Bank, é sempre um bom programa. A região fica sempre lotada de atrações, com feiras, artistas, sebos, e muito mais, durante o dia todo e até o início da noite! Uma ótima forma para terminar esse dia maravilhoso não? 

South Bank nas proximidades do natal

O próximo post vai trazer o outro passeio obrigatório de Londres: pela região chamada "City", onde fica a icônica Tower Bridge e a fantasmagórica Torre de Londres!  


Por: Marcela Silva Bezerra

Nenhum comentário:

Postar um comentário